PF investiga desvios de recursos da merenda escolar no Tocantins

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta quarta-feira (12) a Operação Micalea, para investigar a participação de empresários e servidores públicos municipais suspeitos de desviarem recursos da merenda escolar no município tocantinense de Formoso do Araguaia.

De acordo com a PF, os indícios dos desvios surgiram após a identificação de problemas na qualidade da merenda fornecida aos alunos da rede pública de educação do município. 

Os policiais federais cumprem quatro mandados de busca e apreensão na cidade de Formoso do Araguaia. As ordens judiciais foram expedidas pela Vara Federal Cível e Criminal no município de Gurupi.

O nome da operação, Micalea, é uma palavra que deriva do latim e significa migalhas, em referência à quantidade e a baixa qualidade da merenda servida aos alunos.