“Motociata da solidariedade” reúne milhares de pessoas em apoio ao Bolsonaro

Manaus-AM Mesmo sem a presença física do presidente Jair Bolsonaro (Sem partido), que encontra-se internado em São Paulo desde a última quarta-feira (14/07), milhares de apoiadores compareceram a “motociata da solidariedade”, ocorrida na manhã desse sábado, 17/07, na avenida do Turismo, zona Oeste de Manaus, em apoio ao líder da nação. Bolsonaro participou de forma virtual, logo após o término do percurso, por meio do facetime do celular do coronel Alfredo Menezes (Patriota). Na ocasião, o presidente parabenizou e agradeceu a presença de todos. De acordo com a organização do evento, em torno de 20 mil pessoas participaram do evento.

“Eu queria estar no meio de vocês. Realmente o motocisclista embala a liberdade em duas rodas. Nós andamos pelo Brasil, temos uma agenda muito extensa e tenho um compromisso com todos. Mesmo com minha ausência, a presença de vocês aí reflete que devemos lutar pelos nossos direitos e pela garantia da nossa liberdade. A todos vocês meu muito obrigado por esse momento”, agradeceu Bolsonaro que encontra-se ainda internado.

Para um dos coordenadores da motociata, coronel Afredo Menezes (Patriota), o evento homenageou o presidente para que o mesmo tenha uma ótima recuperação e também mostrar a força de seus apoiadores na região. “Assim que soubemos do estado de saúde do presidente e após o cancelamento da agenda, nós (lideranças dos movimentos conservadores e representante dos motociclistas no Estado) decidimos manter a agenda desse sábado. Agradeço a todos que participaram conosco”, declarou Menezes ao salientar que a motociata também foi em apoio ao voto impresso auditável e pela recuperação total da BR-319 que liga Manaus a Porto Velho.

Na avaliação do representante dos Motoclubes do Amazonas, Marcelo Demasi, a motociata foi um sucesso e que o número de participante foi grande mesmo sem a presença do presidente. Segundo ele, foi possível ver o comboio de toda a extensão da Ponte Jornalista Phelippe Daou (Rio Negro). “Vieram pessoas de Porto Velho (RO), por meio da BR-319, Boa Vista (RR), Santarém (PA), do interior do Estado,  e muitas mulheres pilotando suas próprias motocicletas, inclusive elas puxando a fila que conduziram todo o comboio, liderados pela Wal. Não houve registros de acidentes e nem velocidade excessiva”, comentou.

Foto: Hercules Andrade