Homem é preso por estelionato de vendas de terrenos na zona norte de Manaus

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio do 27º Distrito Integrado de Polícia (DIP), cumpriu, nesta quarta-feira (02/02), por volta das 11h, mandado de prisão preventiva em nome de Raimundo Nonato Brasil Alho, 44, por estelionato de vendas de terrenos na zona norte de Manaus.

A ação policial ocorreu na rua Jambeiro, Conjunto Águas Claras, bairro Novo Aleixo, zona norte. De acordo com a delegada Magna Pires, titular do 27º DIP, o infrator atuava na venda de terrenos, em nome de terceiros, localizados naquela localidade, e cobrava valores entre R$ 350 mil e R$ 500 mil.

“Tomamos conhecimento acerca do fato após algumas vítimas comparecerem à delegacia para relatar o cometimento deste crime. Durante as investigações, descobrimos que Raimundo vendia os terrenos e não repassava os valores para o proprietário”, disse a delegada.

Ainda conforme a delegada, as vítimas pagavam pelo terreno mas não conseguiam se apossar do local por se tratar de um golpe.

Mandado de prisão – Com base nas informações coletadas, a autoridade policial solicitou a prisão preventiva do infrator, e a decisão judicial foi expedida no dia 17 de dezembro de 2021, pelo juiz Rafael da Rocha Lima, da Central de Inquéritos.


Procedimentos – Raimundo responderá por estelionato e ficará à disposição do Poder Judiciário.

FOTO: Divulgação/PC-AM